SINTTEL-SE participa de jornada pela democracia com a participação da presidenta Dilma

26/07/2016

A direção do SINTTEL participou nesta segunda (25/7) do ato Jornada pela Democracia na praça General Valadão em Aracaju, que contou com a presidenta Dilma Roussef. Milhares de pessoas lotaram o evento e ouviram da presidenta uma voz de resistência e luta contra o Golpe.

IMG 20160726 073434

“Não só a perícia no Senado me inocentou, como também me inocentou o Ministério Público”, afirmou Dilma sobre as manifestações dos peritos do Senado e de Ivan Marx, procurador da República no Distrito Federal. “Mas para eles [os golpistas] pouco importa, o que importa é me tirar do poder para levar adiante um processo de perda de direitos do povo.”

Dilma listou como áreas centrais de ataques a direitos do povo a Saúde e a Educação, especificamente o Sistema Único de Saúde (SUS), o programa Mais Médicos e a Educação pública gratuita.

“Querem acabar com o Mais Médicos da forma disfarçada que usam sempre: com golpes e artimanhas”, afirmou a presidenta, ao denunciar que Temer planeja interromper a contratação de médicos cubanos. Ela criticou também os movimentos do governo golpista para atingir o SUS, uma forma de excluir os mais pobres do acesso à Saúde.

“Querem impedir o acesso do povo ao SUS”, afirmou Dilma. “Dizem que o SUS não cabe no orçamento, mas não cabe no orçamento deles, que não tem espaço para a Saúde e a Educação. A saúde do pobre deste país não é diferente da saúde dos ricos deste país.”

Sobre a Educação, Dilma avaliou que estão “tentando acabar com a universidade pública e gratuita”, com a interrupção de programas e iniciativas que põem em risco as possibilidades de ensino de qualidade e solidário nas escolas. Uma dessas iniciativas, citadas por Dilma, é a proposta chamada de Escola Sem Partido. Outra iniciativa é a suspensão de bolsas do Ciência Sem Fronteiras.

“Educação sem partido é o coroamento dessa visão que transforma o Brasil não numa pátrica desenvolvida, um local onde impera a tolerância, uma escola de forma cidadãos e pessoas. Mas querem nos transformar num bando de carneiros. Isso é a educação sem partido”, afirmou.

 


Veja também

Frente parlamentar vai atuar na defesa da classe trabalhadora

Frente parlamentar vai atuar na defesa da classe trabalhadora

18/05/2016 - Será lançada nesta quarta-feira (18), a partir das 9 horas, na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), do Senado Fede...

SINTTEL-SE realiza audiência pública sobre Previdência

SINTTEL-SE realiza audiência pública sobre Previdência

04/08/2017 - Na manhã desta sexta-feira, 4/8, militantes, parlamentares e representantes da sociedade sergipana tiveram oportunidade de conhecer a real s...

Trabalhadores/as reunidos em Assembléia Geral aprovam proposta da Almaviva para o Acordo Coletivo 2016

Trabalhadores/as reunidos em Assembléia Geral aprovam proposta da Almaviva para o Acordo Coletivo 2016

02/02/2016 - Realizada na sexta-feira, dia 29 de janeiro, com a participação de 1.814 trabalhadores/as, a Assembléia Geral aprovou a proposta da Almaviva...

Oficinas em Curitiba

Oficinas em Curitiba

21/11/2013 - Datas: 23 e 24 de novembro; 7 e 8 de dezembroLocal: Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor-PR), que fica na Rua José Lo...